sábado, 2 de maio de 2009

"Passa mais além do céu de Brasília, traço do arquiteto..."

No mundo do faz de conta onde princesas tem voz e monstros são equilibrados em folhas de papel, o horizonte nunca pára ao alcance dos nossos olhos. A viajem é muito mais bonita do que cantigas doces. O olhar afunda e inunda tudo e qualquer sonhador de boa fé.


5 comentários:

pEnSo. E iSsO NÃO é SeNtiMeNto disse...

Eita feia mais linda, das palavras ainda mais lindas!! Saudadee!

Vitor Andrade disse...

Verdade!

Vitor Andrade disse...

ps.: amei os comentarios no 'sob o ceu de salvador'
hehehe
te amo

Larissa disse...

Verdade! Haha

Iza disse...

Sua linda! :)