sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Parabéns


Humano feito como qualquer outro.

Matéria, sonhos, alma, e todo o resto.

Pequeno, grande-ser, relevante.

Nascido de qualquer pouca gota de amor,

Que renasce a cada tom de sorriso,

Da felicidade nativa.

Oriunda de milhares de pensamentos,

Versos, crenças... mestres!

Se faz real em qualquer pedaço de papel,

Qualquer lágrima que aprendeu a ser doce,

Qualquer beijo que voou.

Aprendeu a ser Humano.

Completo, homem, sincero... POETA!



PS: Para Vitor Andrade.


2 comentários:

Iza disse...

O melhor presente para ele que é poeta: a poesia.
Celebranmos hoje a vida do nosso menino-mestre.
Lindo amiga
e amooooooooooooooo

Vitor Andrade disse...

caralho!
vim comentar essa perfeição, se a emoção deixasse...
e pra completar, ainda vejo esse comentario de iza aki!
so me resta, ser eternamente grato por todo carinho de sempre!
amo vc!